Desenho de Arquiteto I

 

Eduardo Fernal
Formado em arquitetura pelo UFMG em 1974, Trabalhou em construtoras até 1985, a partir desta data trabalha em escritório próprio, com projetos e apresentações.

PERSPECTIVA DE UM CUBO A 45°
1 - Método das visadas diretas.
2 - Método dos pontos medidores.
3 - Método proposto.
4 - Superposição dos 3 métodos,
5 - EDIFÍCIO ATALAIA, Natal, RN. Construtora EIT/Mendes Jr,Grafite sobre papel manteiga - 50x70.
6 - EDIFÍCIO MONT BLANC, Nova Lima, MG. Arquiteto: Frederico M, Diniz para Construtora GL. Grafite sobre papel manteiga - 50x70.
7 - EDIFÍCIO SERRA DO CARAÇA, BH, Arquiteto; Istvon Farkasvôlgyi. Detalhamento de Amélia Augusta Correio para Construtora Canopus. Grafite sobre papel manteiga - 50x70
8 - UP TOWN PLACE, BH. Arquitetos: Cezar Gualtieri e Eduardo Fernal para Construtora Marialva/Mendes Jr, Nanquim sobre papel vegetal - 40x60,
9 - EDIFÍCIO RESIDENCIAL, BH, Arquitetos: Oficina de Projetos, Nanquim sobre papel vegetal - 40x60.
10 - EDIFÍCIO DE APARTAMENTOS, Itabira, MG. Arquitetos: Júlio Araújo Teixeira e Dênio A. Carvalhal, Nanquim sobre papel vegetal - 40x30.
11 - EDIFÍCIO ORGANIZAÇÃO MANOEL BERNARDES, BH, Nanquim sobre papel vegetal - 40x50, Arquiteto da 1a etapa: Osvaldo Santa Cruz Nery, Arquiteto da 2a etapa; Beatriz Gontijo e Flávio de Castro Arquitetos Associados, Construção: Bianchi - Construções e Incorporações Limitados.
12 - EDIFÍCIO SEDE SETRANSP, MG, Arquiteto: Kleber Vicente Maria. Nanquim sobre papel vegetal - 50x70.


O mercado para ilustradores, no campo da arquitetura, incrementou-se, em Belo Horizonte, a partir de 1986. Trabalhando desde esta época com apresentações de projetos, principalmente em plantas humanizadas e perspectivas em grandes formatos, tive a necessidade de elaborar um método de marcação - de perspectivas - mais simples que os dois mais usados, visadas diretas; e pontos medidores.
Não gosto destes métodos tradicionais. São complicados e não me permitem uma marcação rápida. O de visada direta exige a colocação das plantas no alto da prancheta, o que nem sempre é possível. O de pontos medidores faz você trabalhar com quatro pontos, pelo menos, Imaginei então um método onde faço coincidir os pontos medidores com os pontos de fuga. possibilitando uma série de "macetes" que podem ser descobertos e/ou criados com a prática.
O método é preciso e geral. Obtém resultados corretos para todos os ângulos, mostraremos nas próximas páginas sua utilização enquanto marcação e alguns resultados de desenhos acabados. Espero que estas informações ajudem aos interessados a resolverem seus problemas de perspectivas, dando continuação às idéias registradas por desenhos como os apresentados neste livro,

 

 

 

 

 

 

 

Copyright